Buscar
  • Sonora Music

Sonoraplay traz conceito 'Netflix' para o cenário da música autoral

Plataforma desenvolvida em Manaus estreou há 30 dias com 21 shows de artistas no Norte do Brasil em cartaz


Acostumado a consumir aplicativos, plataformas digitais e música de fora, o público brasileiro agora tem uma inovação para chamar de sua. Está no ar a primeira plataforma brasileira de streaming de shows de artistas autorais por assinatura digital, o Sonoraplay. Trata-se de uma plataforma 100% brasileira, nascida no Amazonas, que ancora shows autorais inéditos, na sua maioria de artistas independentes e remete 60% do valor das assinaturas para os artistas. Para os primeiros shows em cartaz, a plataforma gravou de forma independente os DVDs em estúdio próprio, mas agora, está recebendo DVDs já gravados de todo o Brasil para começar a monetizá-los.


O Sonoraplay começou por Manaus (AM), gravando 21 shows de forma grátis para os artistas e está disponibilizando essas apresentações inéditas aos poucos. Dentre os artistas em cartaz nesta primeira rodada de gravações está o cantor Bruno Rodrigues, que foi um dos destaques a temporada atual do The Voice Brasil; Matheus Santaella, semifinalista do reality show “The Four Brasil 2019”, da rede Record e Tudo Pelos Ares, banda amazônica que foi convidada a tocar no Rock In Rio 2019, entre outros artistas incríveis.




Com um conceito inspirado na Netflix, o Sonoraplay funciona como um streaming de shows com músicas autorais de artistas independentes. Cada show ganha um link que funciona como uma carteira digital. Ao divulgar o seu show e vender uma assinatura pelo seu link, o artista ganha 60% do valor cobrado dos assinantes, ou seja R$ 10,00 do valor total: R$19,90. Os assinantes, apesar de assinar por um link de um artista, tem acesso a todo o conteúdo da plataforma, criando assim uma comunidade em torno da arte livre. “Nós presenciamos a total escassez do mercado da música durante esses dois anos de pandemia, em que os artistas independentes ficaram sem ter de onde tirar sua renda. Queremos incluir definitivamente esses profissionais no mercado global do streaming e fazê-los monetizar de verdade seus trabalhos, independente da volta dos grandes shows e das novas regras sociais”, explicou Raquel Omena, CEO da plataforma.


O fato de ter começado pelo mercado artístico de Manaus também é simbólico. A equipe do Sonoraplay é composta por artistas independentes e todos sofreram com o cenário caótico que a pandemia impôs à capital do Amazonas. “Os artistas foram impactados de forma cruel e tudo o que passamos em Manaus nos fez buscar uma forma de dizer que estamos aqui, resistindo. E a nossa forma de resistir é continuar produzindo. Mas, também, não queremos mais produzir e não ter para quem mostrar. O Sonoraplay é uma comunidade que quer abrir um novo universo para os artistas independentes de qualquer lugar do mundo”, comentou Ly D’ Araujo, Diretora de Inovações e Comunicação do Sonoraplay.



"Aqui todos são iguais. Buscamos formar essa comunidade onde todos estamos remando para o mesmo local e com os mesmos objetivos", Raquel Omena, CEO Sonoraplay

O Sonoraplay já estreia com 16 shows em cartaz. Todos os shows foram gravados durante esse ano de forma gratuita para os artistas, graças a uma parceria entre o Estúdio Sonora Music, a Agência Tela e uma equipe multiprofissional que emprestaram seus talentos e trabalho para realizar esse projeto. Até o final do ano, mais shows entrarão em cartaz toda semana, totalizando 21, nesta primeira temporada, até fim de dezembro.


A plataforma é toda orientada ao artista. A diferença entre o Sonoraplay e plataformas de streaming é a monetização. Enquanto o artista precisa trabalhar duro para conseguir 1000 assinantes em seu canal no Youtube, por exemplo, para começar a monetizar com alguns centavos, o SonoraPlay já monetiza a partir do 1º assinante e destina 60% do valor para o artista. "Aqui todos são iguais. Buscamos formar essa comunidade onde todos estamos remando para o mesmo local e com os mesmos objetivos", diz Raquel.


Além de promover os artistas, o Sonoraplay também funciona como um agente social, por que viabilizou a gravação de shows com qualidade igual para os artistas (de todas os estilos) de forma gratuita e vai dar a oportunidade de esses profissionais se remunerarem mensalmente, conforme a variação de assinaturas. Os custos para se chegar a um produto como esse, com gravação do show, ancoragem em uma plataforma e a divulgação do trabalho, é muito alto e envolve muitos profissionais. "Quem é músico sabe o quanto é caro esse tipo de produto e conseguir proporcionar isso é uma grande vitória. A própria viabilização da plataforma já é um trabalho comunitário inédito no Brasil e esperamos contribuir muito para o cenário artístico", ressalta Ly.


Considerando o cenário atual de eventos, que foi altamente impactado pela pandemia da Covid-19, a aposta é que os shows virtuais, lives e videoclipes continuem em alta. “Estamos enfrentando um cenário desconhecido. Não sabemos quando as coisas voltarão ao normal. Mas, apostamos na transformação digital também para o segmento cultural. Estamos dando o primeiro passo visando uma nova era do entretenimento, na qual queremos que os nossos artistas do Norte sejam protagonistas", disse Ly.


Recém lançada, a plataforma ainda está ajustando a ferramenta e buscando um crescimento orgânico, que proporcione a manutenção da qualidade de som, imagem e produção. “Não temos nenhum patrocínio e não recebemos verbas pública ou de parceria privada, portanto, somos realmente independentes e, por isso, temos liberdade para crescer em todos os sentidos. Estamos prontos para criar o mercado independente mais forte do mundo”, garantiu.


A equipe Sonoraplay já está fazendo reuniões com a equipe para começar a nova rodada de filmagens, no entanto, a plataforma está aberta para receber também shows já gravados de artistas independentes de todo o Brasil e do mundo. Artistas que queiram se juntar à comunidade, podem entrar em contato ou enviar seu show.


Acesse: www.sonoraplay.net

@esonoraplay

Contatos:

Raquel Omena – raquelomena@hotmail.com

@raquelomena

(92) 98103-8009

Ly D Araujo – ldaraujocorrea@gmail.com

@lydcorr

(92) 98214-6808





10 visualizações0 comentário